Skip to content

O Cinto de segurança é o um equipamento extremamente importante para preservar a vida.

13/03/2014

http://www.destaknoticia.com.br/2014/03/luis-eduardo-magalhaes-bahia-sutrans.html

Anúncios

Conheça os seus limites.

01/06/2013

Foto
Por quanto tempo o álcool que está no meu corpo será detectado pelo etilômetro?

Essa é uma pergunta difícil de responder e depende muito da quantidade ingerida, do tipo de bebida, do que você comeu, do seu porte físico e vários outros fatores. Para e ter ideia um copo de cerveja leva mais de seis horas para ser eliminado totalmente do seu organismo, uma dose de uísque, que é muito mais forte que a cerveja, demora mais tempo. O que é garantido é que o motorista dirija depois de 24 horas de beber. Se estiver de ressaca o melhor é ficar em casa, este é um momento onde o álcool começa a ser tóxico permanecendo no corpo por mais um tempo.

Se preparou uma sobremesa em que no ingrediente vai alguma bebida alcoólica por exemplo, ela pode ser detectada em quantidades menores, mas pode ser percebida pelo bafômetro e o exame de sangue.

A lei seca vale para qualquer condutor em qualquer lugar onde circular um veículo no Brasil. A fiscalização deverá acontecer tanto por policiais rodoviários federais como também por policiais militares. Quando existirem os convênios nas áreas de segurança, os agentes de trânsito e também policiais civis poderão realizar este tipo de fiscalização, por isto fique sempre dentro de seus direitos da lei seca e não abuse do álcool e se for dirigir nunca beba.

fonte:G1 Goiás

Acima de 110KM/h a morte está a espreita

01/06/2013

Foto: Não se arrisque por bobeira! SEJA RESPONSÁVEL! Bom final de semana!

Um jovem de 19 anos ficou ferido na noite de quinta-feira (5) após colidir com uma árvore na BR-153, km 568, próximo a Morrinhos, em Goiás. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), 20 minutos antes do acidente ele foi autuado na mesma rodovia por excesso de velocidade, na altura do km 612, perto de Professor Jamil, a 70 km de Goiânia.

De acordo com a PRF, um radar móvel da corporação flagrou o rapaz dirigindo a 167 km/h em um trecho onde a velocidade máxima permitida é 110 km/h. Liberado, ele se acidentou 20 minutos depois e o veículo, uma picape saveiro de cor branca, ficou destruído. Segundo a polícia, a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) do infrator é recente.

O assessor de comunicação da PRF, Newton Moraes, alerta para a situação de perigo a que outras pessoas ficaram submetidas. “Uma velocidade dessa é um abuso. Ele acabou de ser habilitado e não tem experiência nenhuma. Ele poderia ter matado alguém ou até mesmo morrer”.
Fonte G1

FAIXA PARA PEDESTRES, TEM QUE SABER USAR, TEM QUE SABER RESPEITAR!

24/05/2013

P1010613

A faixa para travessia de pedestres é um recurso que o CTB utiliza para proteger os pedestres. Faixas onde não tem o Agente da autoridade de trânsito ou sinalização semafórica são palcos de diversas modalidades de acidentes, para evitar esses infortúnios é fundamrntal que  condutores e pedestres conheçam algumas regras básicas ao usar a faixa para pedestres. Em breve, caros leitores, condutores ou pedestres, vocês terão, aqui no blog, acesso às essas regras tão importantes para a civilidade no trânsito.

PRIMEIRA CONFERÊNCIA DO MEIO AMBIENTE DE LUIS EDUARDO MAGALHÃES

23/05/2013

A I Conferência Municipal do Meio Ambiente coloca para a sociedade, temas estratégicos para o município, que visam a conservação da biodiversidade, da água, do clima da fauna e da flora, com vistas ao desenvolvimento sustentável, levando em consideração que é possível sim crescer sem degradar a natureza. é preciso rever e ampliar a nossa noção de desenvolvimento e entendê-lo como uma construção coletiva capaz de gerar qualidade de vida nas dimensões ambiental, econômica, social, cultural.

BEBÊ ESQUECIDO PELO PAI, MORRE DENTRO DO CARRO

10/11/2012
Correio*

Esquecida pelo pai no carro, menina de 10 meses morre em Volta Redonda

“Pode me prender”, disse o pai, depois da morte

 

Foto: Reprodução

Manuella foi encontrada morta no carro

Da Redação

Uma criança de 10 meses morreu depois de ser esquecida pelo pai dentro de um carro no bairro de Água Limpa, em Volta Redonda. Segundo o delegado Márcio Figueroa, que apura o caso, o comerciante Clovis Perrut ficou tão desesperado com a morte da filha que antes mesmo de depor disse que a polícia podia prendê-lo.

A menina Manuella Mantila Sueth, de 10 meses, ficou esquecida dentro do carro por quatro horas na quinta-feira (8). “Pode me prender. Eu já sei que a minha maior pena será a perda da minha filha”, disse Clovis, segundo o delegado. O comerciante foi detido, mas acabou sendo liberado após pagar a fiança de R$ 12.440. O delegado contou ainda que o comerciante temia encarar a esposa, Camila Sueth. “Espero que a minha mulher não me veja como assassino.”

O corpo da criança foi enterrado na tarde desta sexta-feira, sob muita emoção. Os pais não falaram com a imprensa.

Na delegacia, a mãe da criança se comportava como se não acreditasse na morte da filha, dizendo o tempo todo que precisava amamentá-la. Ela não chegou a depor por conta disso e a polícia tem 30 dias para ouvi-la e concluir o inquérito.

Clovis Perrut foi indiciado por homicídio culposo, aquele em que não há intenção de matar.

Criança esquecida
Seis testemunhas foram ouvidas. Um amigo de Clovis, Walter Andrade, foi o primeiro a chegar até onde o carro estava estacionado. Ele quebrou o vidro dianteiro e ao avistar Manuella já percebeu que ela estava morta. “Logo em seguida, a mãe da menina chegou e o Walter a impediu de olhar para o interior do veículo”, diz o delegado Figueroa.

A criança ainda chegou a ser socorrida pelo pai para o hospital, mas chegou sem vida, com sinais de morte por asfixia. O pai contou na delegacia que esqueceu da filha porque não tinha o hábito de levá-la à creche. Ele disse que só lembrou que havia esquecido do bebê no carro quando a mãe telefonou questionando a ausência de Manuella na creche.

CRIME CONTRA A FAUNA

01/11/2012

A Guarda Municipal de LEM, a Polícia Civil e o Ministério Público, aplicaram hoje, na prática o art- 29 da Lei de Crimes Ambientais. Cuidado! se você cria animal Sivestre,  você pode estar cometendo um crime,  sem saber.

Art. 29. Matar, perseguir, caçar, apanhar, utilizar espécimes da fauna silvestre, nativos ou em rota migratória, sem a devida permissão, licença ou autorização da autoridade competente, ou em desacordo com a obtida:

Pena – detenção de seis meses a um ano, e multa.

§ 1º
Incorre nas mesmas penas:

I – quem impede a procriação da fauna, sem licença, autorização ou em desacordo com a obtida;
II – quem modifica, danifica ou destrói ninho, abrigo ou criadouro natural;
III – quem vende, expõe à venda, exporta ou adquire, guarda, tem em cativeiro ou depósito, utiliza ou transporta ovos, larvas ou espécimes da fauna silvestre, nativa ou em rota migratória, bem como produtos e objetos dela oriundos, provenientes de criadouros não autorizados ou sem a devida permissão, licença ou autorização da autoridade competente. todos aqueles pertencentes às espécies nativas, migratórias e quaisquer outras, aquáticas ou terrestres, que tenham todo ou parte de seu ciclo de vida ocorrendo dentro dos limites do território brasileiro, ou águas jurisdicionais brasileiras.

§ 2º No caso de guarda doméstica de espécie silvestre não considerada ameaçada de extinção, pode o juiz, considerando as circunstâncias, deixar de aplicar a pena.
§ 3° São espécimes da fauna silvestre